Cookies para o lanche da tarde

Quer mais uma receita de lanche para substituir aqueles biscoitinhos industrializados?
Estes alimentos são muito consumidos no dia-a-dia, seja pela praticidade na hora da fome, pela influência da mídia ou pela pura vontade de mastigar.
Os cookies e bolachas são visualmente atrativos, principalmente, para as crianças. Sempre têm embalagens chamativas e podem oferecem até brindes.
Versões integrais, sem glúten ou “fit” correspondem a uma adaptação do mercado que tem atendido novas demandas de consumo, mesmo que, quase nunca, ofereçam o que propõe no rótulo.
Esse cookie que trouxe para vocês pode ser preparado com diferentes sabores. Hoje, testei com abacaxi, banana, especiarias e boas (de verdade!) opções de farinhas e farelos, que exercem funções positivas no organismo.

A aveia é ótima fonte de proteínas e betaglucanas; excelente para saúde hormonal e intestinos; ajuda num correto ciclo do colesterol dentro do corpo; e é auxiliar no tratamento do diabetes.
O coco é uma ótima fonte de gorduras e sua farinha tem zero amido.
O psillium é uma fibra não refinada e é um ótimo modulador de trânsito intestinal – ele ajuda a formar fezes íntegras, atua como uma esponja na limpeza das alças intestinais e garante melhora na eliminação.

COOKIES PARA LANCHE DA TARDE

½ xícara de abacaxi
1 banana nanica média
2 colheres (sopa) cheias de semente de chia hidratada
2 colheres (sopa) de óleo de coco (forma líquida)
3 colheres (sopa) de farelo de aveia
3 colheres (sopa) de farinha de coco ou coco seco ralado (sem açúcar)
1 colher (sopa) de semente de erva doce
Canela em pó
2 colheres (sopa) de psillium

[Se quiser adoçar, use 1 a 2 colheres (sopa) de açúcar de coco, mel ou melado de cana.
Eu não senti a necessidade, pois tanto a banana quanto o abacaxi estavam maduros e doces o bastante.]

Com mixer, triture as frutas e a chia. Agregue o óleo de coco e bata um pouco mais. Essa mistura pode também ser amassada com um garfo, mas a liga fica mais garantida com a trituração da chia.
Numa vasilha, acrescente a aveia, farinha de coco, a erva doce e a canela em pó. Mexa bem, até homogeneizar.
Por último, adicione o psillium e amasse até formar consistência mais sólida. Neste momento, o psillium irá absorver muita dos líquidos da massa, deixando-a mais moldável. Para isso, deixe a mistura descansando na geladeira por 15 minutos.
Molde os cookies do tamanho de uma moeda de 1 real ou maiores. Outra opção é fazê-los em forma de palitos ou de retângulo. Quanto mais compacto, mais crocante fica.
Unte a forma com óleo de coco.
Asse em forno baixo por 15 minutos. Quando dourar numa parte, vire-os e asse mais 10 minutos, sempre vigiando. Guarde em pote hermético na geladeira. Dura 1 semana!

*A massa pode ser usada como crosta crocante de tortinhas (numa forma de silicone de cupcake, por exemplo) e recheada de frutas. Como sugestão, use um abacaxi picado, óleo de coco e chocolate orgânico com cupuaçu.

Deixe uma resposta