Arroz DOURADO Goura Purnima

O Arroz dourado é uma manifestação das cores da luz, amarelas, douradas, ativadoras da mente e da glândula pineal. Libertadora, manifesta, leve e característica, energizante e muito detoxificante. Abundante em aminoácidos de ótima absorção, bem como complementares, graças a magnífica quinoa e o incrível grão de bico. Não esquecer que leguminosas devem macerar em água (molho) por 24h e troca da mesma em 12h.

Utilizar grão somente após retirada do fitato (24h macerando em água).

Utilizar grão somente após retirada do fitato (24h macerando em água).

Enriquecidos pelas especiarias, pelo gengibre abundante, pelos temperos, e com o sabor realçado pelo óleo de gergelim e umas gotas de shoyu.
Os dois tons que diferem aqui são do ora pro nobis, verde escuro, imponente, rico em minerais e vitaminas, planta do norte de Minas e Bahia, região das secas, essa folha tenra salva muitas vidas por lá.

Planta rasteira com espinhos e folha tenra, típica de MG/BA.

Planta rasteira com espinhos e folha tenra, típica de MG/BA.

O outro, o neutro, claro e branco leite de côco, incorpante e neutralizande de possíveis sabores amargos e fortes para alguns não habituados com as especiarias de nossa atividade terapêutica alimentar. Rico em ácidos graxos vegetais.

1 xícara de arroz integral
1 xícara de quinoa
1 xícara de grão de bico cozido
Gengibre em fatias à gosto
1 cebola picada em cubinhos
Azeite a gosto
8 a 10 folhas frandes de ora pro nobis ( pode usar 2 folhas de couve ou 5 a 7 de escarola, prefira as orgânicas).
2 folhas de louro
Mostarda em pó 1 col. café
Açafrão em pó 1 col. café
Alho poró picado 2 col. sopa
Ervas desidratadas de preferência
3 col. sopa óleo de gergelim
4 col. sopa molho shoyu
1/2 xícara de leite de côco

Refogue cebola, gengibre, alho poró no azeite. Junte especiarias em pó, ervas e acrescente a quinoa e o arroz. Pode utilizar somente a quinoa, ou somente o arroz, mas juntos são bem mais fortes!!
Cozinhe por 30 a 40 min. e reserve. Em frigideira antiaderente acrescente óleo de gergelim e o grão de bico, tostando-o levemente. Quando começar a dourar, acrescente o arroz e misture bem. Junte o leite de côco e o shoyu em um copo, misture-os e acrescente na mistura, mexa um pouco e por último o ora pro nobis, misture um pouco para espalhar e desligue. Espere esfriar e sirva.

Uma homenagem ao ano novo indiano, cujo primeiro dia é hoje.

Uma homenagem ao ano novo indiano, cujo primeiro dia é hoje.

FELIZ GOURA PURNIMA!

 

 

 

 

Deixe uma resposta